NOTÍCIAS

A Preservação dos Recursos Hídricos, da Flora e da Fauna regional é debatida em reunião do COAJU

Pauta da reunião do COAJU contou com dois importantes assuntos relacionados a preservação dos recursos hídricos, flora e fauna da região de abrangência da Bacia Hidrográfica do Alto Jacuí: a Nascente do Rio Jacuí e a Floresta Nacional de Passo Fundo (Flona).

O Comitê de Gerenciamento da Bacia Hidrográfica do Alto Jacuí realizou nesta quinta-feira (25), sua reunião ordinária do mês de agosto, nas dependências da Faculdade de Educação, da Universidade de Passo Fundo.  A pauta da reunião contou com dois importantes assuntos relacionados a preservação dos recursos hídricos, flora e fauna da região de abrangência da Bacia Hidrográfica do Alto Jacuí:  a Nascente do Rio Jacuí e a Floresta Nacional de Passo Fundo (Flona).

A primeira parte da reunião contou com a explanação da atual situação da Floresta Nacional de Passo Fundo (Flona), relacionada à reivindicação indígena, que pretende a posse permanente da Unidade de Conservação e a importância ambiental da floresta para as populações locais e regionais. O diretor da Flona, Adão Luiz da Costa Güllich, conduziu a explanação para plenária do Comitê.

 A manhã foi finalizada com a apresentação dos resultados do trabalho de conservação ambiental da nascente “mãe” do Rio Jacuí realizado pelo Grupo Ecológico Sentinela dos Pampas (GESP), por mais de 10 anos. A apresentação foi conduzida pelos integrantes do GESP, Paulo Fernando Cornélio e Flávia B. da Silva.

Para o presidente do COAJU, Paulo Roberto Cervi,  tanto as questões ambientais relacionadas a Flona, quanto a recuperação ambiental da Nascente “Mãe” do Rio Jacuí são importantes para a sobrevivência das comunidades de atuação Comitê. Por este motivo serão agendadas reuniões futuras para tratar exclusivamente de cada assunto, de forma aprofundada.  

 

▦ 26/08/2016 - 10:57

Veja também